PORÕES DO CAPITALISMO, A IMPRENSA SEMPRE SE PRESTA EM REALIZAR O SERVIÇO SUJO DE CONVENCIMENTO DOS DISTRAÍDOS

29 02 2020 – COLOCANDO OS PINGOS NOS “iis”, ECONOMIA DE MERCADO, ERA OU NÃO UMA VERDADE ABSOLUTA, HOJE, QUEM REALMENTE PRATICA?

Fluidos de interatividade com as mudanças dos novos tempos. Quem comunica a vida o faz com a eternidade.

#COLUNAEDITORIALPRONTANÁLISE, >>> #MIDIÁTICOSENSORIAL: #UNIÃODOSJORNALISTASSEMFRONTEIRAS >>> #CRÍTICASEMCRÍTICAS >>> #CHACATTISTADADOTA >>> #DiaDbrasileiroESTÁchegando >>> #TERRABRASILISseráredescoberta

https://wp.me/p31Lbb-1xJ

TEMPOS DE DEPURAÇÃO DAS VERDADES (6) – POR QUE O MUNDO PERDEU AS BÚSSOLAS?

>>> A ECONOMIA DE MERCADO FUNCIONAVA COMO UMA NOTA DE DESEMPENHO PARA OS QUE QUERIAM INGRESSAR NO PRIMEIRO MUNDO CAPITALISTA. PURO CHARME E POMPAS!

>>> CONSTRUÇÃO DA RIQUEZA SEM TRABALHO NÃO É SÓ COISA DE COMUNISTA.

>>> A IMPRENSA NUNCA ESTÁ AO LADO DO POVO, NÃO SE PODE DESCUIDAR, EM VEZ DE INFORMAR, ESTÁ TE CONVENCENDO:

1 – ELEVAÇÃO DO LIVRE MERCADO À QUALIDADE DE DEUS SUPREMO, A IMPRENSA EXECUTOU O SERVIÇO SEM PESTANEJAR

Quando se depara com uma matéria desse tipo ou dessa mesma natureza que aqui estamos escrevendo agora, logo vem à mente a existência de um poder maior que paira sobre as leis e os Estados. Costumamos chamar esse super poder de Sistemão.

Então, a elevação do LIVRE MERCADO à qualidade de DEUS SUPREMO era um ente de opinião que se formou baseado no clima de modernismo e agilidade tão necessários aos meios empresariais. Uma ideia fácil que foi vendida sem contestação.

No LIVRE MERCADO, as empresas passaram a ser o centro de todas as atenções das economias  de vários países. E a força marqueteira foi tão grande que a opinião geral era de que o Estado da forma como era antes não seria mais necessário. Os empresários deitaram e rolaram.

Para criarem essa aura de que os empresários eram as maiores patentes no mundo dos negócios, por muito tempo, foram gastos rios de dinheiros para que a fama de bons de serviço prevalecesse por tanto tempo. Pois é, todo esse charme empresarial foi transformado em martírio ocidental a partir de 2007/2008. As crises sequenciais chegaram para punir as famas construidas pelas mentiras. O marketing produzido por mãos erradas é o caminho mais próximo da terra arrasada. E nesse tempo todo, a sociedade não construiu os detentores de mentiras que possam depurar e melhorar o desempenho do mundo midiático.

Nos EUA, o marketing e o lobby do LIVRE MERCADO eram tão grandes que nem as fraudes descobertas em 2001 nos balanços Enron Corporation, e que eram auditados pela ARTHUR ANDERSEN por mais dez anos, conseguiram balançar o prestígio da força empresarial sobre o Estado.

Em 2001, Enron Corporation possuía uma dívida aproximada de 22 bilhões de dólares. Para quem não se lembra, ela foi uma companhia de energia americana, localizada em Houston, (1985 a 2007) e a auditoria responsável pelos balanços há quase 10 anos era a ARTHUR ANDERSEN. As duas empresas foram riscadas do mapa.

Só que nos EUA, o castigo chegou a tempo, a Enron Corporation e a ARTHUR ANDERSEN foram riscadas do mapa. O banco de investimentos Lehman Brothers, principal protagonista da Crise das Hipotecas,  teve que pedir falência, e um número aproximado de 480 pequenos bancos sofreram severas punições ou quebraram. A seguradora AIG – American International Group, a maior do mercado, pediu falência técnica. O certo é que o Governo Obama passou grande parte do seu tempo ajudando os bancos e injetando dinheiro na economia para  mantê-la respirando. Tempos difíceis! Mas os culpados foram punidos, inclusive os envolvidos com os “subprimes” (empréstimos hipotecários de altos riscos).

No rol das perdas contábeis generalizadas, tinha várias instituições importantes tais como Citigroup/Merrill Lynch (EUA), Société Générale (França), Northern Rock, (Reino Unido), Swiss Re/UBS (Suíça), houve um aumento geral da  desconfiança entre os agentes e no mercado como um todo. No Brasil, mais diretamente as empresas Sadia, Aracruz Celulose e Votorantim registraram também grandes perdas nos balanços.

2 – OS  PORÕES DO CAPITALISMO QUE TAMBÉM ALIMENTAM OS COMUNISTAS NUNCA FORAM FOTOGRAFADOS OU COMENTADOS PELA IMPRENSA:

Bem debaixo das barbas do profeta, aquilo que o mundo capitalista mostrou ter enterrado em seus porões serviu de alimento para os comunistas.

Como foi registrado nas duas postagens anteriores, o excesso de liberdade dado aos empresários foi o grande causador da Crise das Hipotecas, a partir de 2007, que se desdobrou na crise Europeia em 2011.

Aqui no  Brasil, as consequências desse excesso de liberdade aos empresários foram desastrosas, tivemos um mensalão seguido de um petrolão, um impeachment, um presidente preso e outro também quase preso. Nos desdobramentos, temos um STF recheado de bandidos, temos uma imprensa comprada e parlamentares sendo presididos por dois quase condenados na Câmara e no Senado. Fio da navalha! No tabuleiro desse jogo fedorento, basta que uma pedra perca a força para que várias autoridades amanheçam na cadeia.

Conforme chamamos atenção nessas postagens, apesar de que essas duas crises terem sido um divisor de água para o mundo dos negócios, aqui no Brasil não foram levadas em consideração, tendo em vista que os comunistas que dominam os veículos de comunicação comprados esconderam as graves realidades e suas consequências até 2016. Quando a Dilma ainda estava no governo, chegou a comentar que as empresas responsáveis pela Lava Jato deveriam ser preservadas. Fizeram o que fizeram e ainda tiveram o direito de ficarem vivas para preservar eternamente o enterro do Brasil.

Exemplos práticos, nada aconteceu com a JBS e seus donos, o Eike Batista permanece solto e a VALE continua sendo a fiscal das barragens que constrói. Ou seja, enquanto o desaparelhamento da força de controle do Estado ganhou força nos governos dos comunistas, PSDB, PT e PMDB, ao mesmo tempo, tornaram se fortes os aparelhamentos dos pontos de controle das máquinas públicas. Atualmente, em cada engrenagem, sempre tem um comunista tomando conta do seu funcionamento. Um exemplo eficaz de como vai demorar os combates à corrupção no  nosso país.

3 – CONSTRUÇÃO DA RIQUEZA SEM TRABALHO NÃO É SÓ COISA DE COMUNISTA – TAMBÉM ESCONDIDO PELA IMPRENSA, O ENDIVIDAMENTO DOS ESTADOS FOI O PRINCIPAL ESTOPIM DA CRISE EUROPEIA:

É interessante refletir, no caso das dividas dos Estados, o lastro do giro passou a ser a confiança excessiva na promessa de pagamentos que nunca ocorria. Qual foi e é até hoje o emblemático marqueteiro que foi criado? Foi que o Estado sempre paga suas dívidas. Ou seja, por exemplo, as letras do Tesouro dos EUA sempre são resgatadas.

Se você tiver letras do tesouro em seu “portfólio” não há o que temer. Então, a grande segurança do endividamento é que nem sempre todos os resgates ocorrem ao mesmo tempo. Só não pode ter guerra com bomba atômica. O Coronavírus está com jeito de morrer na China? Será? Estão falando em pandemia, as bolsas já caíram por conta. Situação normal, claro que não, mas bolsas estavam muito altas.

DÍVIDAS EXPONENCIAIS SÃO UM PERIGO DE RELAÇÃO, QUALQUER RELAÇÃO:

O que foi descoberto a partir de 2008, as dívidas dos Estados iam aumentando indefinidamente com as rolagens sucessivas e muitas vezes não se sabia o que eram os valores principais ou os serviços a eles acoplados. Traduzindo, as dívidas mais os juros, mais os seguros e outras taxas de proteção, foram transformados num montante indefinido de alavancagens não definidas. Ou seja, assim como as alavancagens, o vício de fabricar dinheiro passou a ser uma forma ou espécie de gerenciamento de várias economias ocidentais. Em vez de corrigir os defeitos, fabricava-se dinheiro e engordavam-se as dívidas. Os capitalistas recentes pegaram os vícios dos comunistas. Vamos entender melhor sobre isso:

20 de maio de 2019PADRÃO OURO FOI A GRANDE PEDRA NO CAMINHO DO COMUNISMO E SUA VERDADEIRA ORIGEM É COMPROMETEDORAhttps://midiaticosensorial.com/2019/05/20/padrao-ouro-foi-a-grande-pedra-no-caminho-do-comunismo-verdadeira-origem-do-comunismo-e-comprometedora/

Nessa postagem, registramos que a história de abolir o padrão ouro como lastro da moeda circulante, foi um expediente inventado pelo ocidente. Os governos passaram a fazer o mesmo endividamento vendendo papeis para o público. E isso foi a grande senha para a adoção do comunismo como forma de governo, depois de 2.264 anos que a ideia surgiu pela primeira vez no mundo. Essa matéria do dia 20/05/2019 é rica e muito boa de ler.

Fabricar dinheiro na economia é uma prerrogativa do Estado, mas no mundo capitalista, existem regras de desempenho a serem seguidas. Ou seja, enquanto o endividamento estiver na casa dos 60 ou 65% do PIB, existe saúde na economia. Já no regime comunista não tem nada de desempenho, eles fabricam dinheiro na maior naturalidade. Jogando por terra os conceitos de meritocracia e concorrência como os agentes principais de desenvolvimento. Ou seja, não podem ser considerados como praticantes da economia de mercado, a grande ação dos deuses capitalistas.

Apesar disso, em 2010, o Lula reconheceu a China como economia de mercado. Grita geral, mão de obra escrava desfilando no mundo capitalista, tudo junto com fabricação de dinheiro, ausência de qualquer tipo de liberdade e com mais de um bilhão de pessoas fora da economia normal.  Quem diria, a escravidão passou a fazer parte da economia de mercado!

Pois é, naquela época, mal se sabia que a economia de mercado era em si a própria fraude. Ao excluir o Estado da economia ou tirar o Estado da Ciência Econômica, a febre empresarial do bom de serviço queria se sobrepor às leis que regem o próprio Estado.

Então, no frigir dos intuitos, significa que no padrão comunista de gerenciamento, engrossar a dívida do Estado é a coisa mais normal do seu próprio mundo, pois ela nunca será paga mesmo. Lembra da Dilma, quando fora descoberta dando pedaladas, não titubeou em fabricar dinheiro para promover ajustes na economia. E não teve imprensa ou Congresso Nacional com vontade ou conhecimento suficiente para enfrentar a danada da presidente que causou o rombo R$ 534,6 bilhões (2011 e 2014) nas contas públicas. O que era para estourar no Lula foi guardado para da Dilma. E que até hoje, está fazendo vítimas. De quebra, ainda comprou a imprensa inteira para ficar calada e inverter a situação, o Bolsonaro passou a ser o responsável pela prisão do Lula e pelos rombos da Dilma.

Melhor situando os fatos reais nessas escritas, foi verificado que a principal forma da governança comunista tinha causado muitos estragos nas economias capitalistas. Grande paradoxo! Concorrência que se dane!

O capitalismo deixando a meritocracia de lado para viver de boa vida. Como se sabe, o comunismo só ganhou adeptos de carne e osso, quando o padrão ouro deixou de ser o lastro para emissão de moedas, tendo em vista que foi substituído pelas letras do tesouro emitidas pelos governos. Saiba mais sobre isso lendo a nossa postagem:  https://midiaticosensorial.com/2019/05/20/padrao-ouro-foi-a-grande-pedra-no-caminho-do-comunismo-verdadeira-origem-do-comunismo-e-comprometedora/. Os fatos acontecem como se estivessem num sequência lógica de raciocínio, onde o espertinho põe a mão, a confusão é certa.

4 – RACIOCÍNIOS ESCONDIDOS:

O fato de os EUA gozarem da prerrogativa de serem os únicos emitentes dos dólares americanos, simplesmente, dá a eles uma segurança momentânea de eternos sócios do mundo. Mas dentro desse frágil equilíbrio, essa confiança estará quebrada se houver mais uma crise como das hipotecas.

Dentro dos EUA, existem os milionários fundos de pensão, ávidos em fazer negócios pelo mundo a fora, mas até o máximo de 5 a 10% do patrimônio. Vai chegar um momento que terão de dar um destino mais produtivo para os outros 90% do patrimônio. Coisa não suportável pela economia terrestre. Em algumas das nossas escritas já refletimos sobre isso, a tal de crise da riqueza.

Acho melhor ficar calado. Lógico, para o Brasil algumas sobras serão de grande valia. Ou seja, as oportunidades existem, só que os milionários americanos ainda não vislumbraram melhores aportes para seus dinheiros. Em algum momento do futuro, as fronteiras americanas não mais servirão de abrigo para tais fortunas.

O fato é que o dólar precisa de um concorrente à altura, e o Euro surgiu reivindicando esse propósito, porém ainda não deslanchou. Como a economia também se move de crise em crise, a melhor expectativa é que a União Europeia se mantenha viva e indissolúvel. Sem a concorrência do Euro, há sérios riscos do retorno do consumo exagerado e formação de várias bolhas. Todo giro tem desgaste e todo excesso tem consequência, e a China não se mostra subserviente sem reação. Alguma coisa vai ter que ser feita para acolher e proteger o peso do gigante. Não apenas os EUA têm as cartas nas mangas.

5 – A PRESENTE POSTAGEM FAZ PARTE DA SEQUÊNCIA DE MATÉRIAS QUE COMPÕEM O ESCOPO GERAL DA  #UNIÃODOSJORNALISTASSEMFRONTEIRAS #MIDIÁTICOSENSORIAL:

29 de fevereiro de 2020 ♦NA TURBULÊNCIA GLOBAL EM EVOLUÇÃO, AS CRISES ASIÁTICAS TAMBÉM FORAM ESQUECIDAS – https://midiaticosensorial.com/2020/02/29/na-turbulencia-global-em-evolucao-as-crises-asiaticas-tambem-foram-esquecidas/

26 de fevereiro de 2020EM TERMOS DE ECONOMIA, TODOS NÓS SOMOS COBAIA, POR QUE O MUNDO PERDEU AS BÚSSOLAS?  https://midiaticosensorial.com/2020/02/26/em-termos-de-economia-todos-nos-somos-cobaia-porque-o-mundo-perdeu-as-bussolas/ REVOLVENDO OS PORÕES DO CAPITALISMO, POR QUE NINGUÉM MAIS COMENTA SOBRE A CRISE DAS HIPOTECAS E EUROPEIAS ?

26 de fevereiro de 2020 ♦ O MUNDO PERDEU AS BÚSSOLAS,  A CRISE DAS HIPOTECAS FOI O ÚLTIMO SUSPIRO DO LIVRE MERCADO? CLARO QUE NÃO! https://midiaticosensorial.com/2020/02/26/5881/

9 de fevereiro de 2020 ♦ UM CONCILIADOR DE TENSÕES CRIOU A “CAMPANHA TEMPOS DE DEPURAÇÃO” DENTRO DO MERCADO DE CAPITAIS EM 2008 (1) https://midiaticosensorial.com/2020/02/09/um-conciliador-de-tensoes-criou-a-campanha-tempos-de-depuracao-dentro-do-mercado-de-capitais-em-2008-1/

2 de fevereiro de 2020 ♦ TEMPOS DE DEPURAÇÃO DAS VERDADES https://midiaticosensorial.com/2020/02/02/campanha-tempos-de-depuracao-re-explosao-da-bolha-intelectual-e-reformas-dos-sistemas-corporativos/

RE-EXPLOSÃO DA BOLHA INTELECTUAL E REFORMAS DOS SISTEMAS CORPORATIVOS, O QUE SIGNIFICA ISSO?

#CONSCIÊNCIAINTERATIVA:

#REFORMAGERALdoEstadoBrasileiro

As democracias desenvolvidas sempre têm escolas e cadeias.
Preferimos ter um inimigo constante que um amigo ausente.
A simplicidade nunca fica sozinha.
Trabalhe mais, faça mais e permita que outros façam.
Onde o vento faz a curva, você encontra as mãos que pensam e os pés que enxergam.
Vamos balançar o mundo de coisas prontas.
Os comentários anteriores são nossos esteios.
Chacattis Tadadota

Continua

Agradecemos seu comentário, seja breve, interaja e volte sempre.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Defensoria Pública

A Defensoria Pública em estudo.

sumidao.blog

todos os dias à zero hora um inédito conto poético por Igor Florim

BloG/Nunes

"Ler fornece ao espírito materiais para o conhecimento, mas só o pensar faz nosso o que lemos." (John Lennon)

COLUNA EDITORIAL PRONTANÁLISE

Estudo dos fatos globalizantes e da mente do mercado de ações. A voz, sentimento e a arte do Pool Businesses, fluir e expandir agregando, não trabalhe disperso nas redes sociais. Editor: Chacattis Tadadota

The Meat & Potatoes of Life

By Lisa Smith Molinari

VIVIMETALIUN

Pensamos demasiadamente e sentimos muito pouco. Necessitamos mais de humildade que de máquinas. Mais de bondade e ternura que de inteligência. Sem isso, a vida se tornará violenta e tudo se perderá. Charles Chaplin.

%d blogueiros gostam disto: