INTERVENÇÃO FEDERAL NA SEGURANÇA DO RIO DE JANEIRO, A VINGANÇA DO GRANDE VAMPIRO! O CARNAVAL DO BRASIL É MAIS IMPORTANTE QUE O FUTEBOL.

#AGORALOGIA 21, NO CARNAVAL DAS GENTES MORTAS, O #BRASILCERTO DEPENDE DE VÁRIOS ACERTOS DE CONTAS ENTRE BANDIDOS. Assistimos à uma realidade esperada há muito tempo, N0 meio das tumbas, o certo sendo escrito entre as linhas tortas do impopulismo e a desconfiança de mais um vício de tampar o sol com a peneira. (https://wp.me/p31Lbb-XR)

O grande produtor de flatos.

As maldades e astúcias do segundo vampiro presente nas eleições de 2018!NO

>> NO AFOGAMENTO, O CARA SE SEGURA ATÉ NO ARAME FARPADO: Eis em desfile a democracia moderna que está sendo desenvolvida no Brasil. A falta de autoridade moral dos nossos governantes é tão grande e absurda que foram obrigados a se protegerem nas enferrujadas pontas dos arames que costuram as baionetas que ainda estão vivas.

>> LICENÇA PARA MATAR SEM DAR UM TIRO, MOBILIZAÇÃO DE TROPAS SOB AS ORDENS DOS CHEFES DAS ESCOLAS DE SAMBA: Quem diria! No meio do caos, a descrença assiste à impopularidade amarrada ao medo de cadeia, desesperadamente, gritando que também pode produzir atitudes virtuosas. Agora protegido pelas guaritas das escolas de samba, eis o vampiro que se apega às medidas impopulares como forma única de ser lembrado pelos votos arapucas.

De qualquer forma, bem à beira do abismo construído pela corrupção e incapacidade de gestão, não tendo mais o que fazer, a única tábua de salvação é de segurar nas cordas salvadoras do improviso. Corra, chame de novo os militares com direitos à salvação mútua!  Se só tem tu, vai tu mesmo.  Com todo mundo afundando, segure quem puder nas correntes das ancoras invisíveis do oportunismo. Hoje, os militares se prestam até para serem cabos eleitorais dos vampiros a fim de saírem do ostracismo. E o que é ainda pior, se tornaram babás da ineficiência dos governantes e das diabruras dos policiais corruptos. Fica a pergunta, será que as medidas são drásticas mesmo?

E tome falatório, tem aparecido que discursa chamando o planejamento de urgente prioritário/necessário e outro confundido o salvar o precário com o emprego do rolo de arame farpado. Nesse estágio de caos, o salvamento do Rio de Janeiro tem que vir de qualquer jeito mesmo que as mãos se machuquem  nos espinhos cegos lançados pelos próprios bandidos. No afogamento, o cara se segura até no arame farpado. Uma prova real de que há muito tempo o Brasil não vem sendo governado. Tudo é feito no improviso e no oportunismo, salve-se quem puder! Este é o agora que não termina, assistimos à grande volta dos generais a serviço de salvar vampiros. Se der tudo errado, a culpa é do arame farpado. O Código 12 serve para qualquer coisa. E a grande máxima do agora sem fim é que ninguém acredita em nada. O grande país do nada sério.

Não houve perda de tempo, mal terminaram os desfiles das escolas de samba e aproveitando a quentura das vitrines midiáticas do Rio de Janeiro ainda sob o colosso das ostentações marqueteiras do carnaval, focaram a cidade maravilhosa para ser o palco de redenção das várias perdas acumuladas do vampiro mor, vão colocar a força bruta nas ruas sem consultar a inteligência e sem reconhecer que a criminalidade carioca começa pela falta de vigilância das fronteiras. >>>Não adianta prender favelado armado com metralhadora se o Gilmar Mendes continuar soltando a mulher do Cabral e o Rei do Ônibus, o tradicional milionário das colunas sociais, um tal de Jacob Barata Filho.

>> Traduzindo tudo, é muito mais fácil um vampiro fazer a coisa certa! De onde não se espera, as coisas improváveis acontecem, até mesmo as boas.

Os bandidos podem não ter capacidade de gestão séria, mas são competentes para se manterem como autoridades legalmente constituídas. O Pezão, amigo íntimo do Cabral, antes do carnaval, jurou que estava tudo bem, o planejamento estratégico de segurança foi feito e agora é só esperar pela execução.  Que nada, com a mesma cara de pau, depois do carnaval, mostrando-se tolerante com os próprios erros e tirando onda de vítima, o canalha veio admitindo erros no planejamento e na execução da segurança. Um governador que não tem capacidade de gestão da coisa pública ocupando o lugar de quem tem experiência de gerir a maior festa de carnaval do mundo. Político pode fazer tudo que quiser de errado, de menos, manchar o bom nome do carnaval brasileiro. Prova incontestável. o Carnaval do Brasil é mais importante que o futebol.

Até o chefe do crime organizado de Brasília, um tal de Michel Temer, retratado também como um vampiro doidão da escola de samba Tuiuti, chegou chamando os crime organizado do Rio de Janeiro de incompetente! Pensa bem, o chefe mor das quadrilhas de Brasília tirou onda de moralista bem em cima dos chefes das quadrilhas do Rio de Janeiro.

Mas o pior mal cometido pelos bandidos cariocas foi chamar o vampiro chefe para dançar! Nem mesmo foram as drogas e as matanças, não foram os roubos de cargas e nem os assaltos à luz do dia, mas foi justamente a maldição do vampiro chefe. Quase esquecido por não conseguir emplacar a reforma da previdência, de repente, o cara ressurge das cinzas e mostra força em cima da eterna doença dos cariocas de sempre confundir a cidade maravilhosa com malandragem vitoriosa,  o barulho das fezes das favelas com os batuques das comunidades sofredoras. Tudo sem ritmo, sem tom, sem letra e sem música. Na hora da dança real, o que tem é metralhadora cuspindo fogo. Carnaval das gentes mortas! A escola Beija-Flor vai mudar de nome, agora, é Beija-Fel! Quem mexe com vampiro acaba tomando fel. E tome intervenção por usar o nome do carnaval para ofender vampiro. Mas quem apresentou o vampiro chefe foi a Tuiuti e não a Beija-Flor, cujo presidente estaria com os dias contados. A inovação da Beija-Flor foi ter aparecido com o carnaval das gentes mortas! Mesma coisa, foi tudo combinado, você apresenta o vampiro e eu faço os mortos saírem das tumbas para assustarem as realidades camufladas nos confetes e serpentinas dos austeros fingimentos das autoridades legalmente constituídas! Se tudo der em nada, pelo menos, a astúcia do vampiro chefe será eternamente lembrada no #carnavaldasgentesmortas. Temer é um exímio produtor de flatos.

Perder copas do mundo não significa nada que sujar o carnaval com o sangue pertencente aos vampiros!

CONSCIÊNCIA INTERATIVA: POOL BUSINESSES BR @GLOBALIZANTE
#REFORMAGERALdoEstadoBrasileiro

As democracias desenvolvidas sempre têm escolas e cadeias.
Preferimos ter um inimigo constante que um amigo ausente.
A simplicidade nunca fica sozinha.
Trabalhe mais, faça mais e permita que outros façam.
Onde o vento faz a curva, você encontra as mãos que pensam e os pés que enxergam.
Vamos balançar o mundo de coisas prontas.
Os comentários anteriores são nossos esteios.
Chacattis Tadadota
Continua

Agradecemos seu comentário, seja breve, interaja e volte sempre.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: