COMUNICAÇÃO QUE ENSINA – ITEM 4 – NICHOS DE MERCADO A DESCOBERTO – O QUE NÃO VEM SENDO EXPLORADO PELA MÍDIA COM A DEVIDA IMPORTÂNCIA QUE MERECE

Registros Oficiais das matérias (11/09/2013 – 29/10/2013 e 05/11/2013) – acoplados aos iniciais registrados em 01/12/2008, e aos prosseguimentos datados de 07/04/2010, 10/05/2010 e 28/03/2011

Vai contanto, são vários os setores em que a televisão aberta poderia atuar entre os horários das novelas.

  1. MODA, quem não gosta, basta tratar de uma forma mais científica e menos sensual. Substitua o excesso de frescura (charme/elegância) pela didática simples que exige o casual.
  2. TURISMO, o Brasil precisa ser descoberto com mais profissionalismo e didática. Os brasileiros precisam conhecer o mundo com mais realidade e oportunidades que oferece. Substitua o charme pela vida real para melhor florescer a cultura. Muitos estrangeiros conhecem mais o Brasil que os próprios brasileiros. >>>> Preços altos e serviço da pior qualidade. O Brasil é considerado um péssimo anfitrião, a prestação de serviço é um caos perfeito em evolução, atende-se mal nos hotéis e restaurantes, as boates (KISS) são preparadas para queimarem as pessoas vivas e alegres ao som de músicas estridentes e um aparato descomunal de materiais inflamáveis e tóxicos.
  3. ADMINISTRAÇÃO & NEGÓCIOS, não há quem não goste, basta tratar os temas com menos exibicionismo e mais prática. Logicamente, numa didática compreensível a todos. Quem está gerindo mal precisa aparecer nas fotografias, a Bolsa de Valores não tem esses mistérios e charmes de precursora do futuro. O mercado precisa ser levado mais a sério, para que não fique apenas restrito aos formadores de opinião e dependente dos chiliques e maldades dos formadores mercados.
  4. VIDA & DIREITOS: Neste tema existe uma infinidade de esclarecimentos corriqueiros pendentes. O dia a dia está cheio de direitos espelhados por todos os lados e que passam ao longe da compreensão do cidadão. Bastando apenas traduzir as verborreias complicadas. >>>> Dentro do cenário vida, vários itens merecem ser explorados tais como a falta de etiqueta (o que se vê são pessoas “ditas chiques” ensinando como se deve ser chique, ledo engano, ser chique é ter a classe natural de não demonstrar que o outro é brega. Resumo, ser chique é não pensar que é chique). >>>> Outro item é a falta de educação, falta de bons modos e falta de berço, o que induz à falta de respeito ao próximo e às leis. O lixo foi feito para ser tratado e não jogado. Boca fechada não entra mosquito. Muitos compulsivos incontroláveis acham que falar muito é uma demonstração de força e poder sobre a vida alheia. Carro é um veículo de transporte e não de um agente que aflora a raiva e a superioridade. >>>>> Realmente, são vários aspectos a serem enumerados, não tem como citar todos, mas não se pode deixar o voto de fora. O cidadão tem que ter a ciência de que o nosso sistema de votação é uma arapuca. O uso do bolsa família como vantagem é uma agressão ao bom senso das pessoas. Agredir o íntimo, o cerne e o discernimento, sim, é a prática incontrolável do banditismo.
  5. CIÊNCIA & TECNOLOGIA: O mundo dos eletrônicos continua sendo um mistério, tanto pela ignorância sobre as qualidades totais quanto pelos defeitos incorrigíveis e perigos iminentes. Neste caso, trata-se de ensino mesmo, são coisas que não se aprende nas escolas.>>>>> A espionagem espalhada nos programas de computadores, celulares, Internet e redes sociais é uma das maiores agressões já sofridas pelo ser humano, comparada às bombas de Hiroshima e Nagasaki, um holocausto completo, um desmanche de tudo que se sabe sobre a ciência Administração. O artífice de tudo, EUA – Estados Unidos da América, provou ao mundo que é um incompetente, assim como seus aliados mais próximos igualmente espiões. >>>>> Tecnologia cega a qualquer custo. Deixar uma P36 afundar, assistir um Airbus cair em pleno Oceano Atlântico por causa de um detector de temperatura, comprovar que a usina nuclear do Japão foi invadida pelo tsunami da incompetência, tudo isso é sinal que a tecnologia não pode substituir o homem. Facilita, mas não para substituir ou escravizar.
  6. APROXIMAÇÃO, ESCOLA-EMPRESA: São ausências e distâncias incompreensíveis, as separações inexplicáveis precisam ser contidas. >>>>> No Brasil, as empresas agem como se não tivessem nada com isso ou não fizessem parte do mundo humano. A grande maioria é apenas repassadora dos preços altos, juros extorsivos e impostos corrosivos. Destruidoras conscientes do próprio mercado.
  7. APROXIMAÇÃO, CIDADÃO-GOVERNO: São ausências e distâncias incompreensíveis, as separações inexplicáveis precisam ser contidas.>>>>> Principalmente no Brasil, os governos se alternam dentro de um sistema construído pelo banditismo, os partidos políticos foram transformados em quadrilhas preparadas para assaltar o Estado através de terceirizações, desmanche da máquina pública e construção de leis que protegem as guaritas corporativas de todas as espécies. O banditismo construiu uma verdadeira idolatria aos políticos e um imenso desprezo à vida humana.
  8. A REAL REPRESENTATIVIDADE DO DINHEIRO PERANTE A ECONOMIA que convive com juros extorsivos, impostos corrosivos e preços larápios. O tamanho do Estado improdutivo que exaure os suores dos cidadãos, abafa a iniciativa privada e inibe os investimentos. >>>>> Há um campo imenso a ser explorado, a começar pelas diferenças entre investir e guardar dinheiro. No Brasil, guarda-se mal o dinheiro reajustado por índices viciados de inflação e manipulações vergonhosas das taxas de juros. Chamam isso de investir, vários são os analista de mercado que estão sempre alardeando onde se deve investir ou não. Tudo que se aplica sob a égide de índices viciados não é investir e sim guardar mal o dinheiro, perder menos é apensas uma falácia. O mercado respeita muito o que vem do chão de fábrica e para ele retorna, a liquidez que fica rodando ele simplesmente a toma. >>>>> Investir mesmo é melhorar o chão de fábrica, comprar um imóvel na hora certa e aplicar em ações quando o mercado estiver em baixa. Investir é aplicar em tecnologia, estudar e partir para um novo emprego. Na realidade, investir é inovar, acrescentar algo novo, empreender para conquistar novos caminhos.
  9. DEMANDA ÓRFÃ NA TELEVISÃO ABERTA: Existem poucos programas alusivos aos nichos citados. Conte nos dedos, de expressão mesmo são poucos, Globo Rural, o Globo Repórter merece ser mais explorado. Ou seja, é muito pouca coisa para atender a essa imensidão de necessidades e expectativas.
  10. OS SAGRADOS DIREITOS DE CONSUMIR  – Ninguém pode tirar do homem seus direitos de laser e de consumir qualquer coisa. Nem mesmo seus direitos de vaidade e ostentação, de privacidade para escolher o que quiser. Nem tudo tem de ser sério para ensinar, o livre arbítrio do homem é que comanda o que quer saber. A única coisa que tem de lhe chamar atenção é que ele existe além do próprio coração.

SEMPRE EXISTE NECESSIDADE DE MAIS ANÁLISES E ESCLARECIMENTOS:

A COMUNICAÇÃO TRADICIONAL JÁ PRESTOU E PRESTA BONS SERVIÇOS PARA A SOCIEDADE: https://midiaticosensorial.com/2014/01/15/a-comunicacao-tradicional-ja-prestou-e-presta-bons-servicos-para-a-sociedade/

PECADOS DA COMUNICAÇÃO TRADICIONAL: https://midiaticosensorial.com/2014/01/10/comunicacao-que-ensina-pecados-da-comunicacao-tradicional/

Mãos que pensam, pés que enxergam.

Chacattis Tadadota

Continua…

Agradecemos seu comentário, seja breve, interaja e volte sempre.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: