LENTA RECUPERAÇÃO DA ECONOMIA GLOBAL E OS ATUAIS MOVIMENTOS DOS MERCADOS INTERNACIONAIS DE AÇÕES

SLOW RECOVERY OF GLOBAL ECONOMY AND THE CURRENT MOVEMENTS OF INTERNATIONAL STOCK MARKETS

NO MUNDO EVOLUTIVO ATUAL, EM PARTE DESCRITO NA POSTAGEM ANTERIOR, O QUE MAIS ESTÁ INFLUENCIANDO OS ATUAIS MOVIMENTOS DOS MERCADOS DE AÇÕES INTERNACIONAIS?

Quais seriam as explicações técnicas mais realistas? As necessidades orgânicas de acumulações (compras) pesaram mais ou existem várias luzes acedendo para comemorar o otimismo geral? Se as assertivas citadas na postagem anterior são verídicas e irrefutáveis, por que os mercados externos fizeram questão em desconhecê-las?

  • Essas perguntas começaram a ser respondidas quando produzimos a seguinte matéria:

7 de fevereiro de 2013 • 16:50 – RECUPERAÇÃO ECONÔMICA GLOBAL, O PESSIMISMO É O MAIOR INIMIGO – AS BOLSAS DE VALORES PODERÃO FAZER A DIFERENÇA COMO MARQUETEIRAS EM DIREÇÃO AO MUNDO POSITIVO? –
http://wp.me/p31Lbb-53

  •   Continuamos o raciocínio na postagem:

21 de março de 2013 • 16:39 – INVESTIMENTOS ESTRANGEIROS SÃO OS MAIORES PROPULSORES DOS MOVIMENTOS DO MERCADO DE AÇÕES DO BRASIL E TODOS OS CHARMES EM TORNO DISSO SÃO AS NORMAIS ESPECULAÇÕES. O CHORO É LIVRE, A RECOMPENSA É DE QUEM FAZ ACONTECER AO VIVO  http://wp.me/p31Lbb-af

  • Deixamos as conclusões para o leitor:

Muitos dizem que os fluxos internacionais de capitais de risco estão deixando os emergentes e se direcionam para o dito primeiro mundo. E dizem isso utilizando-se do verbo no tempo presente. Ledo engano, capital de risco nunca compra na alta, de lá a saída é iminente. Entenda mais sobre isso, veja as explicações neste mesmo link (http://wp.me/p31Lbb-af). Disfarçadamente, esse tipo de capital já está comprando no Brasil?

O MERCADO ATUAL ESTÁ CONFUNDINDO A CABEÇA DE MUITOS ANALISTAS

Visão Prática: Quase que sem exceção, as bolsas de valores mundiais estão abarrotadas de acumulações, leia-se, devido ao grande período de compras. Subiram, como se não tivesse um monte de acertos para serem executados para dar mais transparência aos controles econômicos. Muitos necessários que deveriam ser consertados ou reconstruídos estão agora sendo adiados para se tornarem combustíveis para novas crises.

O endividamento dos americanos é uma bomba atômica prestes a explodir, mesmo heterodoxos, continuam assentados em cima da fama de locomotiva do mundo, pais da administração e fabricantes mundiais dos dólares comercialmente aceitos e promotores de exportações a custa das guerras cambiais. Preferem a prática da colonização que a penúria de executar as austeridades no corte de gastos desnecessários. Passa longe a gestão baseada na racionalização dos gastos públicos. Puxa vida, quanto custaria uma nova guerra contra a Coreia do Norte?  O dedo no gatilho causa muito mais fascínios nos americanos do norte. Coreia do Norte não passa de um fetiche.

Agora na Europa, quem está causando os fricotes é a Ilha de Chipre. No mesmo balaio, misturam-se os bancos chiliquentos, governos histéricos e ortodoxos. È essa falta de visgo com a “moderna gestão globalizante” que transformou a Europa em um nicho ainda não aproveitado pelo novo mercado que está sendo criado pela nova democracia.

LINK DIRETO https://poolbusinesses.wordpress.com/2013/01/08/formacao-da-mente-atual-do-mercado-funcionamento-da-bengala-globalizada-no-estudo-dos-fatos-globalizantes/

Em resumo, o mercado de ações funciona como os movimentos de uma roda gigante, o motor da compra é o mesmo da venda. O eixo é o mesmo, e até hoje, a força centrífuga inerente foi incapaz de movimentar os gráficos de afastamento para fora dos limites permitidos. Muitos já nos viram repetir o termo “desbravar o desconhecido”, falamos nisso quando flagramos o mercado fingir que vai ultrapassar as grimpas dos gráficos.

Raciocínio cruel: Se não houver bomba atômica, provavelmente os mercados internacionais tentarão mostrar que existe realmente a força centrífuga para além dos gráficos. O Dow Jones, teimosamente, tentará mostrar que é capaz de viver acima dos 14.500 pontos, quando muitos sabem que é hora de entregar os pontos. A força marqueteira é descabida, mesmo que o mundo econômico mundial esteja adiando os acertos necessários que deveriam ser feitos. Provando a tese de que, quando o mercado sacia-se aos pés dos gráficos, não há fundamentalismo negativo que lhe impeça de vender nas cabeças.

ENQUANTO ISSO, NO BRASIL, O NOSSO MERCADO PROMOVE UMA BAIXA MILIMETRICAMENTE PLANEJADA UTILIZANDO-SE DA APLICAÇÃO ALTERNADA DOS PESOS E CONTRAPESOS.

Raciocínio cruel: Se as coisas piorarem lá nas Coreias, nosso mercado pode se desculpar, estava esperando por isso, já caímos por conta. Vou continuar no feijão com arroz dos pesos e contrapesos.

Descontentamento com o Brasil, até que o mercado que vem fazendo isso de uma forma bem civilizada, comportada e sem contar com a Coréia do Norte ou Chipre.

Acrescentando o seguinte, não que este escriba seja contra as privatizações, mas o Brasil se deu mal com o tal de neoliberalismo, vendeu empresas valiosas a preço de banana. A Usiminas foi a primeira e continua sendo mal administrada. A Vale parece que quer brigar com o mercado. As agências de controle da telefonia, energia e outras servem de moeda de troca com os políticos. Privatizada, praticamos a logística do engana bobo.

E diferentemente do que fez Margaret Thatcher, continuamos escravos do corporativismo sindicalista que tanto arruína a dinâmica dos portos.

Nos mercados dos americanos, são várias as grandes empresas que todos os dias mostram seus dotes para os investidores. Isso dificulta a ação de especuladores do caos, se uma empresa vai mal, o efeito negativo não espalha por todo o mercado.

O mercado de ações do Brasil é muito mais dominado que disputado. Temos um mercado novo e são poucas as opções de mexidas nos tabuleiros dos gráficos. Com apenas uma OGXP3 você causa um estrago danado.

Muitos investidores nativos brasileiros, com exceção dos institucionais, não passam de especuladores dos automáticos. Inventaram a palavra “estopar” como se isso fosse uma grande tirada técnica dos possuidores dos charmes e mistérios de viver perigosamente entre os feitiços dos gráficos.

Já afirmamos muitas vezes, mercado muito trabalhado nos automáticos perde a identidade. Carrega em si a sina do surdo-mudo e cego, facilmente enganado pelas escadinhas traiçoeiras. A flexibilização das travas na hora certa é matéria a ser mais estuda pelos “experts” do mercado. A coisa está tão brava que a ação humana só vem servindo mesmo para desmanchar as riquezas e oportunidades não virtuais. Para fugir de todos esses atropelos, preste mais atenção no mercado a vista.

Consideramos a estatal Petrobras como uma das empresas mais lúcidas do Brasil, continua ditando o ritmo do mercado, segurou a inflação o quanto pode, serviu de palanque para o Lula tal como para Dilma Rousseff. Além disso, controla os ímpetos dos vendidos mais atrevidos. Empresarialmente, vem consertando os estragos deixados pelas ideologias contraditórias. De uma só vez, controlar a euforia do pré-sal e, ao mesmo tempo, incentivar o consumo do biocombustível é tarefa para um Deus Marqueteiro.

Deixamos um recado oficial: Prepare-se, investimentos estrangeiros são os maiores propulsores dos movimentos do mercado de ações do Brasil  (http://wp.me/p31Lbb-af)

Quando os fatos conseguem virar notícias, o mercado já se antecipou há mais tempo. Mas, nem por isso é um antecipador do futuro. Ele age no presente, e assim o faz agora, mas poucos percebem por estarem ofuscados pelos automáticos fabricantes de suportes e resistências viciadas.

Os comentários anteriores são nossos esteios.

Mãos que pensam, pés que enxergam.

Chacattis Tadadota

Continua…

Agradecemos seu comentário, seja breve, interaja e volte sempre.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: