ESTABLISHMENT DO CAOS (5) – TSE – DISFARCE DO DISFARCE, CERTEZA DA DÚVIDA!

DICOTOMIA DA TRANSPARÊNCIA” – VIOLAÇÕES AOS DIREITOS HUMANOS NO BRASIL PELOS COMUNISTAS:

#COLUNAEDITORIALPRONTANÁLISE, >>> #UNIÃODOSJORNALISTASSEMFRONTEIRAS  >>> #MIDIÁTICOSENSORIAL >>>> #CRÍTICASEMCRÍTICAS >>> #CHACATTISTADADOTA:

Brasil, o verdadeiro pária do mundo, ao libertar o “mafioso comunista” LUIZ INÁCIO LULA DA SILVA da cadeia certa para disputar eleições/2022, oficializou esse ato como um autêntico “pecado mortal” ou o fato mais negativo da vida brasileira:

  1. O Brasil tem que ser punido pela ONU como um facilitador do crescimento do crime organizado pelo comunismo mentiroso, agressor da liberdade e responsável pela diminuição da importância da família na formação da sociedade. 
  2. Numa autêntica inversão de valores, o povo brasileiro antipetista que em 2018 fez o voto útil para desbancar o comunismo do Brasil, hoje, é taxado pelos comunistas como nazistas e fascistas.
  3. Com consequência direta de uma representação ou reclamação formal contra o PT que ora fazemos junto à ONU – ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS, por agressões continuadas aos direitos humanos, por ferimento mortal à democracia; por desvios de conduta dos bons costumes existentes, com reflexos diretos e comprometedores do futuro universal do direito à educação sem vícios, ao aprendizado de vida, e ao domínio sobre governança da raça humana.
  4. No Brasil, conforme o jeito comunista de viver, todos os direitos humanos são traídos, violados e agredidos, quando se facilita a organização de criminosos e deixa fluir livremente as narrativas de proteção aos atos e fatos comuns às bandidagens e concepções distorcidas sobre os atributos que realmente caracterizam os banditismos.  
  5. A patente aqui registrada é de uma colossal afronta aos povos livres, negativa ou ofensa direta ao conceito puro da concepção sobre a noção universal de liberdade e democracia.  Inversão dos reais dos valores que norteiam a civilidade da raça humana.
  6. Tudo por culpa certa e objetiva das irresponsabilidades das “mãos sujas comunistas” dos ministros do STF – Supremo Tribunal Federal, praticantes de “ativismos judiciais” (mais assemelhados a estelionatos judiciais) para favorecer os autênticos criminosos que participaram das operações denominadas “mensalões e petrolões”; e outras em vigor. Enquanto o ativismo criminoso dos comunistas solta os bandidos, ao mesmo tempo, tem a cara de pau de descaracterizar a justiça condenando os juízes e procuradores da operação Lava Jato, aplicando lhes multas milionárias, numa autêntica caça ás bruxas.
  7. Nossas mãos sujas dos comunistas são transparentes, inspirando a criação de títulos das mais diversas espécies tais como, como “disfarce do disfarce”,establishment do caos”, “dicotomia da transparência”. Quais sejam os ministros provedores, Gilmar Ferreira Mendes, Enrique Ricardo Lewandowski, José Antonio Dias Toffoli, Luiz Edson Fachin, Luiz Fux, Luís Roberto Barroso, Cármen Lúcia Antunes Rocha. “Forças desarmadas” “do estelionato judicial” segundo as próprias narrativas comunistas dos ministros do STF! Traduzindo, usando “forças desarmadas” nas narrativas comunistas, os ministros do STF praticam o “estelionato judicial” com sabotagem da justiça decente.
  8. Nos anais da História Brasileira, o movimento de 31 de março de 1964, apesar dos auspícios do medo da implantação do comunismo, ficou marcado pela sua natureza tão distante de uma revolução quanto de um golpe de Estado. Não houve uma coisa nem outra, e os militares não conseguiram extirpar o comunismo no seio da vida brasileira. Ao mesmo tempo, que os comunistas dominadores das artes e dos meios de comunicação, registraram suas narrativas como se fossem os fatos verídicos da História do Brasil.
  9. O povo brasileiro entre as dívidas, inflações e trocas de planos econômicos se posicionou ao centro de qualquer manifestação ideológica, tanto por receio dos militares quanto dos comunistas. A partir de 2003, o povo viu a oportunidade de acabar com os “favores entrelaçados” que por décadas prejudicaram a formação do caráter da sociedade. Em sendo assim, houve a aprovação para experimentar o jeito comunista puro de governança, tendo o PT como balizador das decisões mais importantes. E não deu outra, os comunistas mostraram a cara e hoje os brasileiros querem que tenham a liberdade de mostrar o corpo inteiro. Na cara de pau, eles conseguiram chegar ao poder, se beneficiaram com indenizações fraudulentas e mentirosas de antigos torturados. Ao mesmo tempo, que organizaram verdadeiras quadrilhas que assaltaram as máquinas públicas das várias escalas do poder.  
  10. Esclarecimentos sobre o movimento de 31 de março de 1964 – Originário do Congresso Nacional, a iniciativa terminou nas mãos dos militares, muito mais pelo oportunismo dos parlamentares de se protegerem sob a força das armas. Porém, os militares não conseguiram acabar com o comunismo, deixando essa maldita herança para os brasileiros “não comunistas” para resolver a situação crescente deste potencial inimigo. Tudo reforçado, com narrativas de torturas e prisões pelo lado dos militares, e culpas formais dos comunistas que promoveram terrorismos, assaltos a bancos, guerrilhas, sequestros de diplomatas. Ao mesmo, tempo que se desenvolvia no país o fortalecendo da economia, governança do Estado, construção de estradas, comércios, serviços, educação e diplomacias. E apesar de a má fama do comunismo ser de uma negatividade mais acentuada, a tortura ficou marcada como o maior gesto obsceno de civilidade. E o movimento militar entrou em depressão salarial, alimentar e moral conforme as próprias narrativas fantasiosas dos comunistas que dominaram os meios de comunicação no Brasil por mais de 60 anos. Ou seja, o preço a pagar pelos comunistas já pode ser considerado uma questão de honra para os brasileiros, ainda mais sabendo que as urnas eletrônicas são facilmente fraudáveis nos potenciais derivativos de uma guerra civil.
  11. 27 de março de 2019 ♦ DEPOIS DO PT, A HISTORIA DO BRASIL ESTÁ SENDO ESCRITA NOVAMENTE SEM INFLUÊNCIA DA #IMPRENSACACHORRA https://midiaticosensorial.com/2019/03/27/depois-do-pt-a-historia-do-brasil-esta-sendo-escrita-novamente-sem-influencia-da-imprensacachorra/

NOVA HISTÓRIA DO BRASIL:

O povo tem necessidade premente de identificar o verdadeiro dono do poder real no Brasil.

Afinal, é visível que tenha um sistema planejado de desestabilização e manutenção do “STATUS QUO” das grandes fortunas.

CONSCIÊNCIA INTERATIVA:

As democracias desenvolvidas sempre têm escolas e cadeias.
Preferimos ter um inimigo constante que um amigo ausente.
A simplicidade nunca fica sozinha.
Trabalhe mais, faça mais e permita que outros façam.
Onde o vento faz a curva, você encontra as mãos que pensam e os pés que enxergam.
Vamos balançar o mundo de coisas prontas.
Os comentários anteriores são nossos esteios.
Chacattis Tadadota
Continua

HOJE, DIA 16/08/2022 – TEM POSSE DE ARROMBA NO TSE – TRIBUNAL SUPERIOR ELEITORAL:

O megalomaníaco Ministro Alexandre de Morais vai tomar posse como presidente.

 (Evaristo Sa/Getty Images)

Está para ser realizado no TSE o mais grotesco acontecimento da república moderna brasileira dos últimos tempos, festa para dois mil convidados e presença de todos os ex-presidentes vivos. Numa autêntica demonstração de poder das forças comunistas, conjugadas com o crime organizado. Coroação do divino ou despir da cobra cega!

alexandredemoraesadvogados.com.br

Alexandre de Moraes é um jurista, magistrado e ex-político brasileiro, atual ministro do Supremo Tribunal Federal. É professor associado da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco, onde se graduou. Tornou-se doutor em Direito do Estado pela mesma Universidade, sob a orientação do professor Dalmo Dallari, apresentando uma tese sobre jurisdição constitucional.Wikipedia (PT)

https://www.tse.jus.br › comunicacao › noticias › 2020 › Junho › conheca-o-curriculo-do-ministro-alexandre-de-moraes

Conheça o currículo do ministro Alexandre de Moraes

Conheça o currículo do ministro Alexandre de Moraes. O ministro Alexandre de Moraes tomou posse nesta terça-feira (2), em sessão solene virtual, como membro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para o biênio 2020/2022. Ele assumiu a vaga aberta em razão do término do mandato da ministra Rosa Weber, que presidiu o TSE até o dia …

https://pt.wikipedia.org › wiki › Alexandre_de_Moraes

Alexandre de Moraes – Wikipédia, a enciclopédia livre

Alexandre de Moraes ( São Paulo, 13 de dezembro de 1968) é um jurista, magistrado e ex- político brasileiro, atual ministro do Supremo Tribunal Federal (STF). É professor associado da Faculdade de Direito do Largo de São Francisco ( USP ), onde se graduou. Tornou-se doutor em Direito do Estado pela mesma Universidade, sob a orientação do …

https://bemnoticias.com.br › conheca-o-curriculo-do-ministro-alexandre-de-moraes

Conheça o currículo do ministro Alexandre de Moraes

O ministro Alexandre de Moraes tomou posse nesta terça-feira (2), em sessão solene virtual, como membro efetivo do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para o biênio 2020/2020. Ele assumiu a vaga aberta em razão do término do mandato da ministra Rosa Weber, que presidiu o TSE até o dia 25 de maio. O TSE é […]

https://www.tse.jus.br › o-tse › ministros › ministro-alexandre-de-moraes

Ministro Alexandre de Moraes — Tribunal Superior Eleitoral

Posse como ministro substituto do TSE: 25.4.2017. O histórico contempla somente a atual situação, sem referência às atuações anteriores dos ministros na Corte, registrando-se as datas a partir de suas posses como membros substitutos. Acesse o currículo completo do Ministro Alexandre de Moraes. Mais informações sobre o ministro.

https://www.saopaulo.sp.gov.br › eventos › justica-curriculo-do-secretario-alexandre-de-moraes

Justiça: Currículo do secretário Alexandre de Moraes | Governo do …

Justiça: Currículo do secretário Alexandre de Moraes | Governo do Estado de São Paulo. Em atendimento à legislação eleitoral, os demais conteúdos deste site ficarão. indisponíveis de 2 …

https://bv.fapesp.br › pt › pesquisador › 89872 › alexandre-de-moraes

Alexandre de Moraes – Biblioteca Virtual da FAPESP

2 de jul. de 2022Alexandre de Moraes CV Lattes Universidade de São Paulo (USP). … 02/2017), Secretário de Segurança Pública do Estado de São Paulo (de 01/2015 a 05/2016), e Advogado e Consultor Jurídico. … e Secretário Municipal de Serviços de São Paulo (2009-2010). (Fonte: Currículo Lattes) Matéria(s) publicada(s) na Agência FAPESP sobre o(a …

https://ragguaglioartitsa.blogspot.com › 2017 › 02 › o-extraordinario-curriculo-do-alexandre.html

O extraordinário currículo do Alexandre de Moraes

O JN mostrou, há dois dias, o extraordinário currículo do Alexandre de Moraes, mas não deu tempo de mencionar que seu escritório de direito defendeu, além do Cunha, uma cooperativa de vans ligada ao PCC. Não deu tempo de falar do uso de violência desmedida na sua gestão em São Paulo. Não deu tempo de falar do patético episódio dos

https://mundoconservador.com.br › alexandre-de-moraes-do-stf-tem-curriculo-fraudulento-e-carreira-polemica-na-advocacia

Alexandre de Moraes, do STF, tem currículo fraudulento e carreira …

Além de não ter realizado a dissertação do mestrado, o ex-secretário do PSDB obteve o doutorado, pós-doutorado e o título de livre-docente em um período de 4 anos. Em regra, os três reunidos ensejariam um empenho de, no mínimo, 8 anos para serem alcançados, de acordo com a média geral. Para completar, Moraes possui denúncias de

https://exame.com › colunistas › sergio-praca › por-que-alexandre-de-moraes-mentiu-no-curriculo

Fevereiro de 2017: Por que Alexandre de Moraes mentiu no currículo?

O ex-ministro da Justiça Alexandre de Moraes, indicado pelo presidente Michel Temer (PMDB) para ser juiz do Supremo Tribunal Federal (a depender da aprovação dos senadores), mentiu em seu Currículo Lattes. Lá afirmou ter cursado pós-doutorado na Faculdade de Direito do Largo São Francisco, da Universidade de São Paulo, ao mesmo tempo em …

https://cartacampinas.com.br › 2017 › 02 › lattes-x-alexandre-de-moraes-tem-curriculo-lattes-que-desqualifica-pesquisa-cxxxxv

FEVEREIRO DE 2017: POR QUE ALEXANDRE DE MORAES MENTIU NO CURRÍCULO?

Antes de mais nada, justiça seja feita: Moraes está longe de ser o primeiro político a mentir sobre sua qualificação acadêmica

https://exame.com/colunistas/sergio-praca/por-que-alexandre-de-moraes-mentiu-no-curriculo/

 (Evaristo Sa/Getty Images)

(Evaristo Sa/Getty Images)

Sérgio Praça

Publicado em 15/02/2017 às 11:52.

Última atualização em 30/04/2020 às 13:15.

O ex-ministro da Justiça Alexandre de Moraes, indicado pelo presidente Michel Temer (PMDB) para ser juiz do Supremo Tribunal Federal (a depender da aprovação dos senadores), mentiu em seu Currículo Lattes. Lá afirmou ter cursado pós-doutorado na Faculdade de Direito do Largo São Francisco, da Universidade de São Paulo, ao mesmo tempo em que fez doutorado. Também pesa contra Moraes uma acusação de plágio, embora esta seja um pouco mais branda: trata-se de copiar trechos de um livro sem dar a citação específica, apesar de ter colocado o livro copiado na bibliografia de seu trabalho. O problema do doutorado e pós-doutorado, no entanto, é inegável. Impossível cursar ambos ao mesmo tempo. A mentira é clara. Por que ela aconteceu? Em poucas palavras, foi porque Moraes ficou ansioso demais para converter capital acadêmico em capital político, e assim ter mais credenciais para ser secretário de Justiça de São Paulo.

Antes de mais nada, justiça seja feita: Moraes está longe de ser o primeiro político a mentir sobre sua qualificação acadêmica. O prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella (PRB), dizia ser doutor em Engenharia Civil pela Universidade de Pretória, na África do Sul. A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) afirmava ser mestra e doutora em Economia pela Unicamp. A ministra Carmen Lúcia, do STF, dizia ter doutorado em Direito pela USP. Todos mentiram.

São três figuras políticas bem-sucedidas. É improvável que tenham chegado a seus postos por conta de méritos acadêmicos. Não porque o país não valorize conhecimento, mas porque capital acadêmico não se converte automaticamente em capital político. Foi o sociólogo francês Pierre Bourdieu quem melhor identificou esse fenômeno. É frequente a tentativa de converter capital (entendido como os recursos que certo indivíduo tem em um campo) obtido em outras áreas para o campo político. Romário, ex-atacante da seleção brasileira, é hoje senador porque obteve sucesso com essa estratégia. Transformou gols em votos.

Alexandre de Moraes não disputou eleições ainda, e provavelmente não disputará. Já pediu desfiliação do PSDB. Seu capital político é de outra natureza. Até agora, pretendeu ser reconhecido como um “quadro técnico” com lealdade política. É a combinação perfeita para ser nomeado secretário de governo estadual ou ministro. Todo governador e presidente gosta de justificar escolhas políticas com o argumento de que o nomeado é reconhecido na área de conhecimento de que a secretaria ou ministério trata.

Entre 2003 e 2006, o governador Geraldo Alckmin teve em média 37% das secretarias ocupadas por “técnicos” sem filiação partidária. José Serra, que assumiu logo em seguida, aumentou isto para 50%. No entanto, conforme aponta Ana Paula Massonetto em sua tese de doutorado defendida na FGV-SP em 2014 (“Presidencialismo estadual em São Paulo: o que une os partidos na coalizão?”), esta divisão pode enganar. Afinal, nada impede que uma pessoa seja filiada a um partido e, ao mesmo tempo, tenha credenciais técnicas.

Dada a proximidade da conclusão de seu suposto pós-doutorado (2000) com sua nomeação para a Secretaria de Justiça do governo de São Paulo (2002), é provável que Moraes tenha turbinado seu currículo acadêmico visando facilitar sua indicação política. Afinal, em um país que trata qualquer advogado como doutor, ser pós-doutor confere a Moraes mais respeito do que seus colegas de OAB merecem.

Como prevenir as mentiras de mais políticos em relação às suas formações acadêmicas? A plataforma Lattes é aberta para consulta. Basta digitar o nome, verificar o que o sujeito afirma e checar, nos sites das universidades, se o trabalho foi mesmo realizado. Muitas faculdades disponibilizam isso publicamente. Para outras, é preciso entrar em contato por telefone etc. Políticos sempre mentirão. Mais do que nunca, bom jornalismo é necessário para desmascará-los.

Exame Hoje

Alexandre de Moraes tem currículo que desqualifica a pesquisa

Alexandre de Moraes tem currículo que desqualifica a pesquisa. O ex-secretário de Segurança do PSDB de São Paulo, ex-ministro da Justiça do governo Temer e indicado para o STF (Supremo Tribunal Federal), Alexandre de Moraes (PSDB), pode ter burlado o currículo lattes ou obteve títulos em uma velocidade inimaginável para qualquer …

ALEXANDRE DE MORAES TEM CURRÍCULO QUE DESQUALIFICA A PESQUISA

By Carta Campinas / in Economia e Política, Geral, Manchete / on sexta-feira, 10 fev 2017 02:19 PM / 29 Comments

Follow @CartaCampinas

O ex-secretário de Segurança do PSDB de São Paulo, ex-ministro da Justiça do governo Temer e indicado para o STF (Supremo Tribunal Federal), Alexandre de Moraes (PSDB), pode ter burlado o currículo lattes ou obteve títulos em uma velocidade inimaginável para qualquer pesquisador com relativa seriedade no trato e no desenvolvimento de pesquisa.

Alexandre de Moraes não fez a dissertação de mestrado como os pobres mortais pesquisadores. O mestrado é o início da carreira de pesquisador e fundamental para que, no doutorado, o pesquisador tenha amadurecimento suficiente para desenvolver uma tese. Moraes pulou essa etapa, o que não é fácil e nem comum na academia.

Além disso, ele fez o doutorado, o pós-doc e obteve o título de livre-docente em apenas 4 anos, de 1998 a 2001. É um fenômeno a ser estudado. Somente o doutorado leva normalmente quatro anos para se fazer. O Pós-doc é uma pesquisa normalmente feita em um ou até três anos. Já o título de livre-docência também exige uma pesquisa de mais 4 anos. Muitas vezes o tempo é maior.

Isso talvez seja explicado com a acusação de plágio. Ao fazer plágio, o pesquisador abrevia etapas com a fraude. A velocidade das pesquisas de Alexandre de Moraes casa com a acusação de fraude.

Moraes pulou o mestrado e fez doutorado em 02 anos (1998-2000). O inacreditável é que o doutorado foi feito concomitantemente ao seu pós-doc, que inclusive se inicia antes do doutorado (1997-2000). Ou seja, ele fez uma espécie de pós-doutorado antes do doutorado. Uma loucura.  No ano seguinte já era livre-docente (2001). Veja link se não foi retirado do

Agradecemos seu comentário, seja breve, interaja e volte sempre.

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Fixando Blog

Não sabe? Não invente. Chame um especialista.

É TopSaber

É TopSaber Bitcoin, seu portal de notícias do bitcoin e criptomoedas em tempo real, aqui você terá todas as informações para ser um trader e holder com qualidade, acesse já!

BH POST NOTÍCIAS

Portal de notícias e entretenimento. Aqui você encontra as principais matérias de política, economia , tecnologia e negócios - Agenda cultural e de serviços - Esportes, novidades do setor automotivo e muito mais.

Cultura de Algibeira

O Cultura de Algibeira é o local ideal para aprenderes coisas novas todos os dias!

Risk Mitigation

Writing for a safer world

FORA DA BOLHA

Política e Dicas para Gestores

Viagens Imperfeitas

Viajar apura os sentidos, abre horizontes e enriquece a alma!!

VALE INDEPENDENTE - O seu jornal digital

COM O POVO ONDE O POVO ESTÁ!!!

O BANCO E A BOLHA

Que é feito da equidade ?

Mensagem de Otimismo

Saiba mais clicando em sobre

Negócio Inteligente

Seu negócio cada vez mais competitivo

Psicólogo Felipe Biasus

"Meu propósito é compreender com você, porque você é como você é, com vistas a alcançar a sua melhor possibilidade."

Psicólogo Jordan Vieira

Compartilhando saberes sobre psicologia!

Faveni Promoção Relâmpago

Pós, 2ª Licenciatura e FORDOC

Blog do Rodolfo Vasconcellos

Desenvolvo Habilidades de Liderança e Estratégias de Carreira que Impactam sua Vida e seu Negócio.

Scribbles and Bits

one at a time

Sarti Contabilidade

Contabilidade para Todos

AVALIAÇÃO EDUCACIONAL - Blog do Freitas

Destinado a temas sobre avaliação educacional. Contra a destruição do sistema público de educação e contra a desmoralização dos professores pelas políticas de responsabilização.

Blog do Portinho

Blog para tratar temas de política, artes e economia de forma descontraída e com bom humor.

%d blogueiros gostam disto: